F1: tempo quente e seco em Interlagos nos treinos livres

Os pilotos geralmente focam no pneu macio, mas veloz, antes de mudarem para os médios para simulações de longos stints

Mercedes foi a mais veloz em ambas as sessões hoje. Cerca de 1s3 separaram os compostos médios e macios

Com calor e pista seca em Interlagos, os pilotos puderam correr com os três compostos slick nos treinos livres. Ainda não está claro se essas condições permanecerão para o fim de semana. A previsão é de chuva para amanhã e possivelmente para a corrida também. Assim, as condições de hoje podem não ser representativas.

A Mercedes dominou ambas as sessões de treinos livres, mas os ponteiros foram seguidos de perto em uma pista envolvente. Felipe Massa, da Willians, tirou um coelho da cartola na segunda sessão de treinos livres de sua última corrida em sua terra natal.

A temperatura da pista chegou aos 50º no final da segunda sessão, quando as equipes se concentravam em longos stints com cada um dos compostos e diferentes cargas de combustível. Até o momento, cerca de 1s3 separam os compostos médios e macios. A diferença entre o médio e o duro é muito menor.

Os pilotos limparam uma pista suja e ainda “verde” durante a primeira sessão, antes que o circuito acumulasse borracha. Durante a tarde, eles se concentraram em longos stints, também usando os compostos mais duros. O tempo mais rápido do dia foi registrado por Lewis Hamilton, da Mercedes, com pneus macios na primeira sessão, quando as equipes priorizavam stints mais curtos, com a temperatura mais amena. Ele foi meio segundo mais rápido do que a pole position do ano passado.

Paul Hembery, diretor de motorsport da Pirelli: “Tivemos um dia movimentado em Interlagos hoje, mas ainda veremos o quão útil ele será para o restante do fim de semana. As equipes tiveram uma boa leitura inicial dos níveis de uso e degradação aqui, que pareceram razoavelmente altos com o pneu macio, em particular. O direito traseiro é o mais exigido em Interlagos. Seja com tempo seco ou úmido, devemos ver uma corrida com múltiplas paradas. O clima será determinante tanto para o classificatório como para a corrida em si.”

Treino Livre 1 Treino Livre 2
1.Hamilton 1m11s895 Macio novo 1.Hamilton 1m12s271 Macio novo
2.Verstappen 1m11s991 Macio novo 2.Rosberg 1m12s301 Macio novo
3.Rosberg 1m12s125 Macio novo 3.Bottas 1m12s761 Macio novo

Treino Livre 1 – Melhor tempo por composto

Duro Hulkenberg 1m14s358
Médio Hamilton 1m13s157
Macio Hamilton 1m11s895

Treino Livre 2 – Melhor tempo por composto

Duro Raikkonen 1m14s369
Médio Hamilton 1m13s157
Macio Hamilton 1m12s271

Stints mais longos do dia por composto

Duro Gutierrez 21 voltas
Médio Nasr 31 voltas
Macio Rosberg 22 voltas

Estatísticas de hoje dos pneus:

Duro Médio Macio
kms percorridos * 279 3149 2679
Jogos de pneus usados ** 6 42 43
Maior número de voltas ** 21 31 22

* Quantidade de quilômetros percorridos, por todos os pilotos, nos treinos livres 1 e 2.
** Por composto, somados todos os pilotos.

Pressão mínima prescrita dos pneus: 22.5 psi (eixo dianteiro) e 21.5 psi (eixo traseiro).