Com apenas um pneu trocado (o traseiro direito), Valdeno Brito venceu a primeira prova da inédita rodada dupla da Stock Car, disputada neste domingo em Santa Cruz do Sul (RS).

Com duas baterias seguidas, separadas por 20 minutos entre elas e, ainda, com grid invertido para os 10 primeiros, a segunda corrida, disputada com os mesmos pneus da primeira e sem pit stop, foi vencida por Antonio Pizzonia, que largou da 11ª posição e trocou três pneus na primeira bateria.

Com os 43 minutos da primeira corrida, mais os 22 da segunda, este foi o maior tempo de corrida da Stock Car com os mesmos pneus e, de acordo, com Jonathan Wells, diretor esportivo da Pirelli para Stock Car, “tudo esteve perfeito. Os pneus tiveram grande performance e trabalharam em grande sintonia com pilotos e equipes.”