Um novo desafio aguarda o WRC Academy para a temporada final dessa semana na medida em que as equipes se preparam para o único evento em superfície mista da série de seis voltas, que conta com a Pirelli como fornecedor exclusivo de pneus do campeonato.

Tendo como base a Costa Daurada na região espanhola de Tarragona, este ano o Rally de España desafiará as equipes com uma mistura exclusiva de testes de velocidade em saibreira e asfalto. O maior desafio será na sexta-feira, com a fase especial de 44,02 km em Terra Alta: um teste que inclui nada menos do que três alterações na superfície. Os carros serão preparados novamente para especificação completa em saibreira para o último dia de competição.

Doze etapas especiais formarão a rodada de encerramento para o campeonato deste ano. A Pirelli estará a postos para suprir as equipes com seus pneus de asfalto RX5 e RE7 extremamente competitivos, bem como os pneus K4 para saibreira – que as equipes têm usado o ano todo. O Rally de España apresenta uma oportunidade única para a Pirelli mostrar sua gama completa de pneus, que foram vistos em ação durante toda a temporada.

A família RX de pneus está entre os mais versáteis na série para competição da Pirelli, graças a um padrão de sulcos levemente entalhados, um perfil quadrado e uma estrutura particularmente rígida. Estas características ajudam na precisão de condução e fornecem uma resposta rápida, ao passo que mantém a resistência e a durabilidade para competir com velocidades elevadas e prolongadas e em fases mais longas. O RX5 será utilizado em condições secas com o RE7 disponível, em caso de condições de frio e umidade.

A Pirelli desenvolveu uma versão do pneu K4 para saibreira, especificamente para atender o Ford Fiesta R2, que é usado exclusivamente no campeonato, em tamanho 175/70-15 K4. Com base no revestimento do Scorpion, muito bem sucedido, que foi usado no World Rally Championship de 2008 a 2010, o pneu K4 WRC Academy é mais leve que o Scorpion, com foco no desempenho, bem como a durabilidade absoluta.

Após uma temporada de destaque na WRC Academy incluindo um hat-trick de vitórias, Elfyn Evans, antigo piloto-estrela da Pirelli no Reino Unido, foi declarado o vencedor do campeonato no mês passado, no Rally de France. Os 50 pontos de liderança do galês de 23 anos significam que é matematicamente impossível que qualquer outra equipe ultrapasse Evans com apenas uma volta remanescente.

Salientando o sucesso do prestigiado programa Pirelli Star Driver, Brendan Reeves, antigo piloto patrocinado pela Pirelli, está em segundo. O australiano de 23 anos de idade provou a si mesmo ser um dos pilotos mais firmes do campeonato, tendo terminado entre os cinco primeiros em cada volta desta temporada.

Seguindo um segundo melhor lugar na recente temporada do Rallye de France, o espanhol Jose Suarez está apenas dois pontos atrás do segundo colocado, Reeves. Ansioso para conquistar o segundo posto cobiçado, Suarez almeja um pódio à frente de Reeves.

Fixos em quarto lugar estão o piloto escocês John MacCrone e o piloto sueco Pontus Tidemand, com ambas as equipes 15 pontos atrás do piloto local Suarez.

Paul Hembery, diretor automotivo da Pirelli, comentou: “O vencedor do campeonato WRC Academy já pode ter sido decidido, mas a luta pelo segundo posto está tomando forma e parece ser uma batalha emocionante. A condição climática imprevista e as superfícies mistas das pistas na Espanha podem ser condições que impõe dificuldades para os concorrentes no final da temporada na próxima semana. O Rally de España geralmente ocorre no início da temporada, onde o clima seco é mais comum, mas como o evento deste ano ocorrerá em novembro, poderíamos esperar alguma chuva e temperaturas mais baixas. A mistura de superfícies também irá impor demanda extra aos pilotos, bem como os pneus, porque as equipes terão pouco tempo para se adaptar às estradas e aos ajustes necessários. Fazer as escolhas certas será essencial para aproveitar ao máximo o desempenho e a durabilidade comprovada dos pneus que traremos para a Espanha, tanto no asfalto como na saibreira. Por fim, gostaria de aproveitar esta oportunidade para parabenizar Elfyn Evans por ter vencido o campeonato deste ano com uma volta remanescente. Ele é um piloto extremamente competente e firme, que tem um futuro brilhante pela frente. Como antigo piloto-estrela da Pirelli no Reino Unido, ele é o exemplo perfeito de um jovem talento em rali, que conseguiu se destacar no cenário mundial com o apoio da Pirelli, assim como muitos antes dele”.