road

P Zero, o líder de uma família em evolução

Modelo a modelo, estamos diante de trinta anos de história da família Pirelli de produtos que são os preferidos dos fabricantes de carros para seus veículos premium e de prestige

Home road P Zero, o líder de uma família em evolução
P Zero, o líder de uma família em evolução

A família P Zero é resultado de uma longa história de desenvolvimento de pneus, que evoluem no mesmo passo que os carros esportivos para os quais são projetados e se adaptam às necessidades específicas de cada modelo. O surgimento constante de novas necessidades ao longo dos anos trouxe à luz o pneu carro chefe da linha de produtos da Pirelli, produto este que deve ser visto não como um simples pneu, mas como um sistema modular de soluções tecnológicas culminando em uma vasta gama de versões projetadas especialmente para veículos específicos. De fato, o P Zero foi criado precisamente devido a essa necessidade por pneus específicos, projetados sob medida para cada carro.

Show more images

Durante um período de trinta anos, os pneus Pirelli P Zero vêm sendo fornecidos como original de fábrica para mais de mil carros nos segmentos premium e de prestige. A lista é longa e conta com algumas grandes lendas do mundo automotivo como: Ferrari F40, 512 Testa Rossa, LaFerrari e F12; todos os modelos Murciélago e Aventador da Lamborghini, além do atemporal Countach; o McLaren MP4-12C e P1; o Pagani Zonda e Huayara; o Aston Martin Vanquish, DB9 e V12 Vantage; o Maserati Quattroporte e Ghibli; e várias versões do Porsche 911, Cayenne e Macan, apenas para citar alguns.

Em vez de uma linha cronológica em que os anos e nomes se alternam e entrelaçam, demos preferência aos nomes deste pneu e suas variadas formas para contar a história de uma família de produtos em evolução.

P ZERO
Em 1986, a Pirelli começou a criar o conceito do P Zero e, a partir da experiência da empresa com o automobilismo, surgiu um pneu que estava destinado, no ano seguinte, a um dos carros esportivos de luxo de maior destaque daquela época: a Ferrari F40. A Pirelli fez uma verdadeira revolução na indústria de pneus com uma série de inovações que tornaram o P Zero para a F40 uma referência na história dos pneus para estrada, assinalando a primeira vez que um pneu de 17 polegadas foi produzido para um veículo de estrada, que a relação entre altura e largura de um pneu caiu para polegadas, que um carro de produção em série equipou pneus dianteiros e traseiros de diferentes tamanhos, e que chegamos a um índice de velocidade “Z” (ou seja, acima de 240 km/h).
Desde sua última versão mais evoluída em 2007, foram utilizados compostos especiais no P Zero para a banda de rodagem e o talão que asseguravam conforto na direção e níveis elevados de desempenho do veículo. Os três largos sulcos longitudinais em torno do pneu oferecem o máximo de aderência no asfalto molhado, garantindo um passeio mais tranquilo, e o perfil assimétrico da banda de rodagem regulariza o desgaste do pneu. A estrutura do pneu também minimiza a deformação do perfil, mesmo em velocidades bastante altas (de até 370 km/h).
Entre alguns dos muitos carros que utilizam os pneus P Zero como original de fábrica estão o Lamborghini Gallardo, a Ferrari 599, o Maserati Quattroporte e a Mercedes S-Class.

P ZERO SYSTEM
Em 1994, a fim de combater a aquaplanagem, a Pirelli criou o P Zero System, com diferentes padrões de banda de rodagem, tanto para os pneus dianteiros como para os traseiros. Na época, muitos fabricantes de carros estavam criando edições limitadas de veículos com potência e performance ainda maiores do que suas versões de origem e esta primeira variação do P Zero, derivada diretamente do mundo do automobilismo, foi projetada exclusivamente para ser o original de fábrica para esses supercarros de alta performance.
Um dos primeiros carros a utilizar o P Zero System foi a Ferrari F355.
O próximo passo foi criar o P Zero Corsa System, cujo projeto e desenvolvimento tiveram início em 2003 por meio de uma colaboração entre a Pirelli e a Ferrari para a versão estrada da Ferrari 360 Challenge, que também foi fruto direto de dez anos de experiência nas pistas para as competições Ferrari Challenge – Pirelli Trophy e dos Ferrari 360 GTs utilizados na Competição FIA-GT. O P Zero Corsa System é oferecido com dois padrões distintos de banda de rodagem de acordo com a filosofia System: um padrão assimétrico para tração nas rodas traseiras e um padrão direcional para maior aderência das rodas dianteiras no asfalto molhado.

P ZERO CORSA ASIMMETRICO 2
Em 2010, por meio de uma parceria com a Lamborghini, a Pirelli lançou o novo P Zero Corsa System, projetado para o Gallardo LP 570-4 Superleggera, acrescentando assim o P Zero Corsa Asimmetrico 2 à versão direcional anterior. A versão assimétrica passou a ser original de fábrica para os supercarros mais potentes, incluindo Lamborghini, McLaren, Ferrari, Pagani, Porsche, Maserati e Aston Martin.
A estrutura especial do Corsa Asimmetrico 2 proporciona o máximo de estabilidade aos pneus em altas velocidades e nas curvas, de forma tal que também pode ser usado nas pistas. O padrão assimétrico da banda de rodagem reduz a aquaplanagem, exatamente como os pneus semi-liso utilizados no automobilismo para condições de pista molhada. Tendo a corrida em sua composição genética, o pneu é perfeitamente adequado a esse duplo uso, tanto na estrada como na pista, garantindo o máximo de desempenho e segurança em qualquer um dos casos.
Em 2015, o P Zero Corsa Asimmetrico foi escolhido como original de fábrica para a McLaren 650S, versões coupé e spider, e para o Alfa Romeo Giulia Quadrifoglio Verde.

P ZERO ROSSO
A linha P Zero Rosso foi criada em 2000 para atender às necessidades mais comuns de outros veículos de alta performance, com o objetivo de reproduzir quase que fielmente os níveis de desempenho da linha System, mas com a adição do conforto.
Com o tempo, a linha de produtos se tornou mais altamente especializada, com a implantação de diferentes padrões de banda de rodagem entre os pneus dianteiros e traseiros. Para os pneus dianteiros, o P Zero Rosso acrescentou a designação Asimmetrico, enquanto o P Zero Rosso Direzionale foi criado especificamente para pneus traseiros.
O padrão assimétrico para a banda de rodagem dos pneus dianteiros permite uma direção mais agressiva em condições de pista seca e mantém os motoristas seguros na pista molhada, em ambas as situações garantindo níveis máximos de conforto na direção. O padrão elegante e sinuoso da banda de rodagem do Direzionale é projetado para maximizar o desempenho na entrada em curvas e garantir o máximo de aderência, principalmente em pistas molhadas. O que possibilitou a união dos níveis de performance dos supercarros com uma direção tranquila e confortável foram as inovações na estrutura e a utilização de compostos especiais.
Entre os carros que foram projetados tendo em mente os pneus P Zero Rosso estão tanto modelos superesportivos como a Ferrari F430 e F575M Maranello, o Porsche 911 (séries 993, 964 e 996) e o Lamborghini Murciélago, além dos modelos de utilitários (SUV) mais potentes, como o Porsche Cayenne e a Mercedes ML, e as versões mais agressivas de sedãs, como a BMW M e a Mercedes AMG.

P ZERO NERO GT
Em 2012, a Pirelli lançou o P Zero Nero para o mercado de peças de reposição e depois atualizou a linha com a série nova Nero GT. A designação GT indica que o pneu foi projetado para o mercado de peças de reposição de carros esportivos e sedãs de alta potência, sendo a especialização do Nero GT prolongar a quilometragem de rodagem do pneu. Para isso, a Pirelli adotou inovações tecnológicas nos materiais utilizados.
Este pneu é particularmente apreciado por quem faz modificações para deixar seus carros “tunados”, extrapolando a performance com pneus capazes de transferir o máximo de potência para a estrada e durar com o tempo, a despeito do incrível esforço a que são submetidos por carros extremamente “tunados”.

P ZERO TROFEO
Em 2010, a Pirelli criou um pneu específico para quem gosta de levar o carro para a pista: o P Zero Trofeo. Diferente de muitos pneus de corrida, o Trofeo também é certificado para uso na estrada, podendo ser usado a caminho da pista sem precisar ser trocado para corrida.
A evolução do pneu em 2012, batizada de P Zero Trofeo R, utiliza novos compostos com uma fórmula inteiramente nova e conta com um padrão reformulado de banda de rodagem. Essas alterações foram combinadas para oferecer um benefício duplo: estabilidade aumentada e, acima de tudo, aderência lateral em condições de pista seca, além de uma redução considerável no desgaste do pneu.

P ZERO FORMULA 1®
Todos os pneus slick produzidos pela Pirelli para a corrida de Fórmula 1® em condições de pista seca também pertencem à família P Zero. As novas regras para a temporada de 2016 resultaram cinco compostos diferentes para pneus slick, facilmente reconhecidos pelas faixas coloridas nas laterais.
Depois do pneu mais macio e mais recente, o Ultramacio (Roxo), vem o Supermacio (Vermelho), que era, até este ano, o mais macio dos pneus slick disponíveis para as equipes. Ambos os pneus contam com compostos que garantem o máximo de aderência mecânica e são para baixa operabilidade, atingindo rapidamente suas temperaturas ideais. Dessa forma, os pneus são ideais para circuitos lentos com bastantes curvas e condições climáticas mais frias, mas o seu desgaste também se dá com maior rapidez.
O pneu Macio (Amarelo) é um dos mais utilizados em corridas, por oferecer um excelente equilíbrio entre desempenho e durabilidade. As características do pneu fazem dele um composto para alta operabilidade, sendo, portanto, adequado para temperaturas mais elevadas.
O pneu Médio (Branco) é similar ao pneu macio, porém sacrifica o desempenho em prol da maior durabilidade. É um pneu também para baixa operabilidade.
Por fim, o pneu Duro (Laranja) é perfeito para circuitos que exercem maior pressão sobre os pneus, proveniente de superfícies abrasivas ou curvas rápidas, sendo utilizado frequentemente com temperaturas elevadas.

OS NOVOS P ZERO E P ZERO CORSA
O novo P Zero é oferecido em três modelos projetados para três tipos diferentes de carros: um para a categoria dos superesportivos; um para sedãs premium de alta performance; e, por último, o novo P Zero Corsa projetado para supercarros. A diferença entre os dois primeiros pode ser vista nos padrões da banda de rodagem, com a versão para os superesportivos sendo menos esculpida para favorecer o desempenho da direção dinâmica, e a versão para sedãs premium ostentando um ombro com sulcos mais profundos para proporcionar conforto. A proximidade desses pneus com os utilizados na Fórmula 1® fica bem aparente no novo Corsa, que é bastante semelhante a um pneu slick de corrida.

Saiba mais
Relacionadas
Informação do produto
O melhor da tecnologia de ponta da Pirelli
Descubra o novo P Zero
Encontre
Selecione o produto sob medida para você
Encontre o melhor pneu para seu carro
road