life

A próxima
revolução cognitiva

Home life A próxima
revolução cognitiva
A próxima
revolução cognitiva

Ao discutir a revolução dos computadores, as pessoas costumam fazer comparações com a maneira de como os automóveis tornaram obsoletas as carruagens puxadas por cavalos movidas por chicotes. Mas acho que, para apreciar plenamente o potencial que os computadores têm para mudar nossas vidas, devemos voltar à primeira tecnologia da informação, que é a palavra escrita.

Escrever é tão familiar para nós que a maioria das pessoas nem a reconhece como uma tecnologia, mas é isso que ela é. Escrever é inteiramente diferente da linguagem falada, que faz parte de nossa natureza biológica; a menos que você prive deliberadamente uma criança de estímulo, todas aprenderão espontaneamente a falar. (Ou sinais, no caso de crianças surdas.) Mas escrever é uma invenção e que não foi fácil. Os seres humanos pintavam as paredes das cavernas e faziam colares há dezenas de milhares de anos antes que alguém representasse a fala fazendo marcas. Ainda hoje, existem milhares de idiomas que não têm forma escrita.

Como outras tecnologias, a escrita foi aprimorada ao longo do tempo. Quando você lê essa frase, provavelmente moveu os lábios para ouvi-la; as primeiras formas de escrita estavam intimamente ligadas à fala. Ao longo dos séculos, as pessoas separaram as palavras com espaços, distinguiram entre maiúsculas e minúsculas e adicionaram sinais de pontuação para identificar sentenças e cláusulas. Essas melhorias tornaram a escrita mais eficaz da mesma forma que os avanços na metalurgia tornaram as facas mais afiadas e mais fortes.

Se você já proferiu um discurso, quase certamente escreveu algumas palavras antes; talvez apenas alguns cartões, mas provavelmente a coisa toda, palavra por palavra. Por que você faria isso, já que o produto final seria entregue oralmente? Porque escrever tornou-se mais do que uma maneira de transcrever sons; ajuda a organizar os pensamentos e decidir o que você quer dizer. Escrever é uma tecnologia cognitiva, uma ferramenta para o pensamento.

As conveniências oferecidas pelos computadores são enormes, mas ainda mais profundo é o impacto que a tecnologia digital terá no modo como pensamos. Espero que, no futuro, quando você precisar preparar um discurso, use um software para ajudá-lo a formular suas ideias. Não o Microsoft Word ou o Powerpoint, que são tentativas de emular modos de comunicação mais antigos; eles são como as versões em maiúsculas e sem espaços da escrita. Eles serão substituídos por algo mais flexível e dinâmico; não sei como será esse software, mas facilitará a expressão de ideias que atualmente lutamos para transmitir com palavras organizadas em linhas dentro de um retângulo.

As vantagens desse software podem não ser óbvias quando o vemos pela primeira vez, assim como as vantagens da escrita não eram imediatamente óbvias. Mesmo depois de o alfabeto grego ter sido usado por séculos, Sócrates permaneceu desconfiado da palavra escrita, dizendo que oferecia "a aparência de sabedoria, não a verdadeira sabedoria". Ele ressaltou que você poderia fazer perguntas a uma pessoa instruída e obter respostas reais, enquanto que, se você tentasse fazer perguntas de um artigo, só poderia dizer uma coisa. Hoje em dia, as pessoas fazem críticas semelhantes aos computadores e, pela mesma razão, Sócrates criticou a escrita: porque você não pode apreciar totalmente um novo modo de cognição até se tornar fluente nele mesmo.

Estamos acostumados a pensar que a tecnologia é fria e difícil, algo que não combina bem com nosso corpo ou com nós mesmos; portanto, quando alguém diz que a tecnologia digital se tornará parte de nós, é fácil imaginar cabos sendo conectados ao nosso cérebro e, em seguida, recuar com o pensamento. Mas se você pensar nisso como análogo à palavra escrita, ela deixa de ser assustadora e se torna fortalecedora. A tecnologia digital se tornará parte de nós, transformando a linguagem em que pensamos. E, em vez de nos diminuir, expandirá nossa gama de possibilidades. Isso nos dará novas maneiras de ser inteligente, novas maneiras de ser criativo e novas maneiras de ser humano.


Ted Chiang

Saiba mais
Informação do produto
O melhor da tecnologia de ponta da Pirelli
Descubra o novo P Zero
Encontre
Selecione o produto sob medida para você
Encontre o melhor pneu para seu carro
life